3.20.2006

Nem só de desgraças estomacais foi feito o fim-de-semana

Combinei com a minha querida avó materna fazermos uma incursão pelo sotão da casa, que neste momento só é mesmo habitado por aranhas e afins, para eu escolher restos de tecidos que tentarei transformar nalguma coisa.
E eis senão quando eles aparecem aos montes e não páram de crescer! Foi uma tarde muito produtiva, daquelas que só conseguimos passar com as nossas avós. Cada pedaçinho de tecido tem uma história, uma identidade da qual só elas se conseguem lembrar...


Agora é deixar a criatividade vir ao de cima e tentar fazer coisinhas bonitas e diferentes! Ui tou cheia de ideias :)

5 comments:

  1. Eu também tinha muito o hábito de ir para o sótão da minha avó à procura de roupas vintage! E acreditas que encontrava sempre grandes cenas?! Tecidos não existiam, apenas roupa aos montes... Mas eu gostava bastante de andar por lá a vasculhar e ver o que usavam os meus avós quando eram novos!

    ReplyDelete
  2. Adoro fazer isso! Procurar roupas antigas e transformá-las, para as poder vestir!

    fico à espera de ver as tuas ideias!:))

    Beijinhos.

    ReplyDelete
  3. Eu também adoro encontrar roupas que foram feitas pela minha mãe ou pelas minhas tias.. Há sempre com cada história.. É que elas eram muito adiantadas pra época então faziam grandes modelitos.. Enfim a minha veia criativa tinha de vir de algum lado :)

    ReplyDelete
  4. que bom...! sortuda!

    ReplyDelete
  5. quem me dera ter um sotão para vasculhar!!!! adoro tecidos e se forem antigos melhor ainda!!

    ReplyDelete

Obrigada pelo comentário! Thanks for your comment!